Cultura, Estilo de vida

Diesel para todos… (melhor não!!)

Boas caro leitor,

Esta semana acompanhei um amigo em sua tosa mensal de cabelos e na espera peguei uma revista para ler e passar o tempo ocioso, ainda bem que havia algo que não fosse Cláudia, Capricho ou Nova, puxei uma AutoEsporte de Abril de 2010 e nessa edição havia uma matéria sobre a liberação da venda de carros movidos a diesel no Brasil.
Essa proibição vem de uma lei promulgada na década de 70, naquela época a tecnologia de motores realmente era ruins, os motores movidos a diesel eram muito poluentes e o Brasil não era auto-suficiente em petróleo, importávamos muito.

Nos dias atuais a tecnologia de motores é muitíssimo mais avançada, o Brasil é auto-suficiente, a Europa utiliza dessa tecnologia e possui legislação ambiental muito mais rigorosa que o Brasil, então por que ainda estamos engessados no álcool e na gasolina? Por que o brasileiro não pode pagar mais barato para encher o tanque do seu possante?

A matéria da AutoEsporte defendia a queda dessa tal lei antiquada e muitos de vocês também devem defender isso, mas eu sou contrário a liberação da venda de automóveis de passeio motorizados com propulsores a diesel e vou dizer porque.

Primeiramente vamos tratar do fator ambiental, o diesel brasileiro é ruim e ponto. Devido ao alto teor de enxofre do nosso diesel as emissão de compostos sulfurados oriundos da queima do combustível teriam uma elevação considerável, já não basta termos que aturar caminhões e utilitários?

O diesel europeu é muito mais limpo que o nosso, devo dizer que isso é culpa da legislação brasileira, pois a Petrobras possui tecnologia para produzir diesel com baixíssimos teores de enxofre e só não o faz porque é mais barato produzir seguindo a legislação ambiental brasileira que permite a venda de diesel com absurdos 2000ppm de enxofre em regiões não metropolitanas. E se a legislação brasileira um dia for igual à européia e o diesel vendido no país tivesse uma ótima qualidade? Ok, vamos pensar vinte anos depois disso! Os primeiros motores produzidos quando foi liberado o comércio de carros a diesel no Brasil estarão em fim de carreira, mas não fora das estradas, brasileiro que tem um carro de 20 anos se não é colecionador não está nem um pouco preocupado com manutenção do carro, a falta de manutenção nesses motores elevara a poluição por emissão de particulado sólido, pois a queima incompleta de diesel gera muito mais fuligem que a queima incompleta de gasolina ou álcool!

Outro fator, o sistema de distribuição brasileiro é totalmente diferente do sistema europeu. Infelizmente dependemos dos caminhões para abastecermos nosso mercado interno e esse jeito burro de transporte que esta presente no Brasil nos gera um déficit de diesel e em algumas situações a Petrobras é obrigada a importa diesel e fazer subsidio para manter o preço, então aumentar a frota consumidora de diesel provocaria um grande prejuízo para o país que seria forçado a elevar o preço do diesel, elevando o frete de mercadorias, elevando o preço de tudo e a economia que se faz nas bombas de combustível seria ilusória.

Para colocar motorização a diesel para a população brasileira, primeiramente teria que ser revisto todo o sistema de distribuição de produtos do país, ferrovias e hidrovias deveriam ser amplamente expandidas por todo território, nesse caso sejamos realistas, nunca vai acontecer porque existe muito interesse em manter a distribuição rodoviária, muita gente ganha dinheiro com isso e milhares de famílias dependem do caminhão para sobreviver.

E pra finalizar a liberação do comércio de motores a diesel para carros de passeio no Brasil é um retrocesso, enquanto o mundo procura formas alternativas para mantermos nossos motores funcionando de forma limpa e renovável alguns meios de comunicação e pessoa formadoras de opinião defendem algo que vai totalmente contra essa idéia, focando esforços numa fonte energética que sabidamente não estará disponível para nossas futuras gerações.

O futuro está na eletricidade, motores com alta eficiência, sem emissões e altamente silenciosos. O problema é: Como gerar eletricidade de forma eficiente, segura, renovável e que não polua? Esse é o ponto!

E viva o planeta saudável!

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

março 2011
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Flickr Photos

Mais fotos
%d blogueiros gostam disto: